ELAS festival é um evento criado para promover o empoderamento feminino.
Feito por mulheres, para todo mundo. Três dias de música, debates, cinema e arte, com mulheres de peso sob os holofotes e por trás das engrenagens. A divulgação de um evento tão importante passa pela valorização, pelo reconhecimento, pela compreensão urgente do gênero como construção social. Tem a ver com dar voz às mulheres, em um espaço de diálogo, troca e transformação.
Mulheres são muitas, serão mais e cada vez mais fortes. Exatamente como são. Utilizamos a multiplicidade como linguagem gráfica: não existe certo e errado, não há só uma maneira de ser mulher.
Uma mulher é muitas, é formada por suas referências, sua bagagem, sua força, sua resiliência. Uma mulher são inúmeras possibilidades e aprendizado constante. Referência e inspiração. As peças executadas se movem, literalmente, mas também muito além: elas nos lembram de que o feminino não é estático, e que se transforma como tem que ser.
Um festival pensado e executado por mulheres é uma urgência, pois se torna uma plataforma de debate essencial. O design entra como aliado, ao deixar explícitas essas potencialidades.
Entregar o lugar de fala a quem ele pertence, registrar o movimento, valorizar o feminino, é transformador. Estampar cartazes com fotos reais de mulheres participantes, espalhar dezenas de gifs que mostram a multiplicidade e o movimento, convidar o mundo para se reinventar e redescobrir.
O caminho continua!
Ficha Técnica
Direção de criação: Paula Cotta e Renata Polastri
Criação: Renata Polastri
Foto (evento): Marina Dorzée
Foto (peças gráficas): Unsplash / Nappy: Blubel, Carolina Marinati, Daniel Lincoln, Faby Pantoja, James Lee, Jonnelle Yankovich, Kal, Keenan Constance, Maarten van den Heuvel, Michael Yoder, Purnomo Capunk, Raoul Croes, Thais Lyra, Todd Quackenbush, Tyler Nix, Zabdi Beltran.
Premiação
BDA 2020 • Bronze
Categoria Design de Impacto Positivo
Back to Top